4 maio 2016
4 maio 2016,
 0

BAD BIM: quando as coisas dão errado!

BADBIM

Colisão entre Coluna e Porta

O que podemos aprender quando o BIM dá errado? Quais são os erros chave que repetidamente parecem rastejar em nossos projetos e que marginalizam nossas melhores intenções ao aplicar o BIM na prática?
É discutível se existe o ‘BAD BIM’. Vamos assumir por um momento que os conceitos centrais atrás do BIM são nobres e que eles ajudam a melhorar como os projetos são entregues através do ciclo de vida do edifício. Seguindo esse pensamento o BIM não pode ser ruim. Ele certamente pode ser interpretado ou aplicado de uma maneira ruim. Seus princípios podem ser negligenciados e seus objetivos podem ser incompreendidos ou terem utilização indevida.
Qualquer um que tenha trabalhado em um projeto usando o BIM terá um número de estórias a contar que o BIM ‘azedou’. Em alguns casos os defeitos aparentes podem ter pouco a ver com o BIM e eles dependem do contexto específico do projeto (por exemplo, restrições ou problemas contratuais). Em outros casos os defeitos podem se referir a falta de habilidade ou conhecimento sobre como obter o melhor do BIM. Uma boa parte da porção do ‘BIM que dá errado’ pode ser atestado pelo fato de aqueles que estão implementando o BIM muitas vezes ainda estão passando por uma grande curva de aprendizagem.
Destacam-se alguns erros comuns. É crucial para qualquer gerente de BIM aprender com esses erros para evitar repeti-los. A seguinte lista representa um apanhado obtido a partir de pesquisas realizadas no Brasil, Estados Unidos, Europa, Ásia e Austrália.

Pseudo BIM

Pode parecer implausível no começo, mas o maior desafio enfrentado pelos gerentes de BIM é o que melhor pode ser descrito como o ‘pseudo BIM’. Existe uma gama de graus de pseudo BIM acontecendo na prática. Na sua pior forma o pseudo BIM é usado fingir que o BIM foi aplicado, considerando que, na realidade, um fluxo de trabalho de Cad tradicional foi usado para entregar um projeto. A razão para essa decepção pode ser para impressionar os clientes (que podem não notar a diferença) ou para ficar em conformidade com os requisitos normativos do cliente. O Arquiteto Roberto Mencarini diz: ‘alguns membros de equipes pensam que trabalhar em Cad e criar o modelo BIM no final do projeto se constitui em BIM. Isto não é BIM e isso cria problemas. Instâncias desta forma para mascarar o processo estão em declínio quando os contratantes tornam-se mais informados sobre a distinção entre pseudo BIM e o resto’.
A ocorrência mais comum do pseudo BIM é aplicada por aqueles que usam as ferramentas BIM para produzir simplesmente a documentação em 2d. As oportunidades de coordenação multidisciplinar e as integrações de dados não são consideradas por equipes que separam a geometria dos dados. Essa forma de pseudo BIM fecha as portas para qualquer forma de troca de informação além da simples referência visual.

Ir sozinho – ausência de coordenação através dos agentes em BIM

Um dos aspectos mais difíceis da implementação do BIM para qualquer empresa é o fato das organizações tenderem a buscar benefícios imediatos para o seu próprio negócio. Isso faz sentido: o seu propósito chave é obter lucro e servir aos interesses dos seus membros. É aí que reside o problema fundamental: reconhecendo que o BIM possa aumentar a eficiência intraorganizacional as sinergias somente vão a frente quando aplicadas com os agentes envolvidos na entrega de um projeto. Essa circunstância precisa ser experimentada para ser entendida. Na AEC, que é baseada em projetos, é difícil para uma organização priorizar a coordenação multidisciplinar sobre o seu retorno direto de investimento. O que é bom para o projeto não necessariamente parece ser bom para o negócio.
Problemas emergem quando a modelagem é feita por diferentes partes sem compartilhamento e sobreposição desses modelos para coordenação. O BIM não é usado simultaneamente durante a fase de projetos, e a intenção do projeto não fica disponível para os contratantes como uma referência durante as fases de fabricação e construção.
O BIM sem coordenação resulta em duplicação de informações e em modelos sem interoperabilidade, as potenciais sinergias não são obtidas e o BIM se torna ineficiente quando visto em um contexto holístico do projeto.

Não utilização do Plano de Gerenciamento do BIM

Uma abordagem gerenciada do BIM vai lado a lado com o foco na colaboração. Muitos problemas relatados devidos a falta de coordenação emergem se as equipes não desenvolvem um Plano de Gerenciamento do BIM. Existem templates públicos disponíveis de Planos de Gerenciamento do BIM desde 2007-2008 e esses planos ajudam a orquestrar todo o processo colaborativo utilizando o BIM. O propósito do plano BIM (entre outras coisas) é possibilitar que as equipes de projeto estejam de acordo com a forma como os modelos e as informações associadas a eles são compartilhadas, como esses modelos são colocados juntos, com qual frequência eles são revisados e define as responsabilidades para cada uma das disciplinas. A ausência de um plano de gerenciamento do BIM pode criar dissonâncias entre os colaboradores e perda de produtividade no processo. O plano de gerenciamento do BIM aumenta a chance para as equipes trabalharem com sinergia e com metas comuns. O ‘BAD BIM’ acontece quando não existe o plano de gerenciamento ou se ele for mau compreendido e não estiver aderente ao processo de trabalho.

bad bim

Comparação entre o BIM e o modelo convencional de trabalho

Falta de integração de dados

O próximo aspecto do ‘BAD BIM’ se refere ao foco excessivo na modelagem da geometria em detrimento da associação dos dados à essa geometria. Quando muita atenção é dada à geração da documentação 2d a partir do modelo 3d as questões relacionadas aos dados frequentemente ficam sem solução.

Ausência de objetivos bem definidos por parte do cliente

Essa ausência usualmente se origina de clientes indiferentes ou mau preparados quando eles declaram os seus requisitos de informação no início do processo, ou em qualquer outra fase posterior. Objetivos mau definidos pelo lado do cliente são a causa frequente da falta de integração de dados descrita anteriormente. Existem também clientes que ‘super-especificam’ os objetivos sem o entendimento de como os dados serão gerados, gerenciados e utilizados. Sem objetivos realistas do BIM, as equipes de projeto tateiam no escuro tendo que adivinhar o que o cliente quer. É recomendável que os consultores BIM das equipes de projeto busquem educar e esclarecer o cliente logo ao início, através de palestras sobre a definição do BIM e auxiliando os clientes a buscar objetivos realistas. Alguns clientes, buscando mascarar seu desconhecimento, solicitam um ‘BIM completo’ ou ‘BIM totalmente integrado’ sem a menor ideia da dificuldade envolvida e de como eles realmente poderão se beneficiar de todo esse esforço e do custo envolvido na produção de modelos com toda a riqueza possível de informações.

‘Supermodelagem’

Supermodelagem reflete a ocorrência mais comum da falta de entendimento dos agentes envolvidos que não estão em sintonia com os requisitos de informação realmente necessários para os seus objetivos. Essa visão leva a um procedimento de se concentrar em desenvolver modelos geometricamente perfeitos ao custo de perder informações e dados acurados. O BIM vai mau nesse contexto porque existe um excesso de informações geométricas no modelo. Não apenas representa um esforço desnecessário, mas também gera modelos pesados de difícil utilização, representando grandes dificuldades para a coordenação do projeto. Existem hoje em dia diversos manuais públicos que especificam tanto o nível de detalhe geométrico (LOD) quanto o nível de detalhe não geométrico (LOI). A utilização desses guias facilita a definição do detalhamento do modelo para cada uma das etapas do projeto.

Querer resolver todos os problemas com um único software e com um único modelo

As promessas dos fabricantes de softwares são inúmeras. Muitos afirmam que com seu software conseguirão solucionar todos os problemas relacionados aos projetos em todas as etapas: concepção, estudos energéticos, sustentabilidade, desenvolvimento e facilities.
O conceito de ‘modelo único para múltiplos propósitos’ está obsoleto, ele é um conceito da época dos primórdios do BIM. Hoje já se sabe que existirão diversos modelos BIM dependendo do uso específico, por exemplo, um modelo BIM para análise energética é bem diferente do que um modelo BIM para a construção.
Da mesma forma hoje existem catalogados pela buildingSmart, mais de 150 softwares, IFC compatíveis, para os diferentes usos possíveis do BIM. O desconhecimento disso pode levar a esforços inúteis e a resultados pobres ou desastrosos.

multi

Mapa estratégico das interfaces de software para criar uma ecologia para o BIM. Autor: Dominik Holzer / AEC Connect

Modelagem sem entendimento

Muitos problemas ocorrem quando o responsável pela modelagem não compreende as consequências de determinadas soluções técnicas dadas no projeto. Esse problema ocorre muitas vezes que a modelagem BIM é ‘terceirizada’ para profissionais sem a devida formação técnica e sem haverem participado do processo de projeto. Um modelo espacialmente bem resolvido, sem clashs, não é garantia que as soluções de construtibilidade e operação estejam bem solucionadas.

Modelagem imprecisa

Paralelamente à falta de entendimento do que está sendo modelado existem problemas relacionados à necessária precisão do modelo. A imprecisão do modelo muitas vezes ocorre pela falta de participação no projeto de consultores ou de fabricantes especializados na fabricação de determinados componentes onde informações como sequência de montagem e tolerâncias são fundamentais.

Referência: Dominik Holzer


Sobre o autor

leonardo manzioneLeonardo Manzione é o fundador da COORDENAR e editor desse blog. Mestre e Doutor em Engenharia pela Escola Politécnica da USP, é Consultor especializado em BIM. Ele pode ser contactado através desse site clicando aqui. 

 

 


 

Comments are closed.

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Caderno_BIM_VERSAO_-FINAL.pdf (2834 downloads) Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

[Download não encontrado.]Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:
[contact-form-7 404 "Not Found"]

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Programa_capacitação_BIM_v1Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×
BIM4D

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×

Para prosseguir com o download, informe-nos os seguintes dados:

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

×